Goodyear procura bom resultado no WEC

A equipa da Goodyear Racing chega à terceira ronda do Mundial de Resistência da FIA 2019/20 com otimismo, depois de uma grande corrida em Fuji, no mês passado.

No circuito japonês, as três equipas que utilizavam pneus Goodyear estiveram na frente na sua categoria, com a equipa Jota Sport a garantir a pole position, ao passo que as equipas Jackie Chan DC Racing e High Class Racing lideraram a prova.

As três equipas competem na Classe LMP2, destinada a “Protótipos de Le Mans” de 600 cv e motores V8 de 4,2 litros. Significativamente, esta é a única categoria em que existe luta entre fabricantes de pneus.

Para a Goodyear, a corrida de Xangai será um marco na sua história na competição. O circuito foi inaugurado em 2004, já depois da última etapa da Goodyear na Fórmula 1, pelo que esta corrida será a primeira de um Campeonato do Mundo da FIA realizada na China a contar com a presença de pneus Goodyear.

Ho-Pin Tung foi o primeiro piloto chinês a vencer na sua categoria na corrida das 24 Horas de Le Mans e espera liderar o regresso da Goodyear à China.

Dsipõe de experiência de conquistar um desafio de pilotagem muito peculiar, dado que foi o primeiro piloto a chegar ao topo da montanha Tianmen num SUV de estrada.

Em 2018, após percorrer 99 curvas fechadas e transpor 999 degraus, Tung levou um Range Rover Sport equipado com pneus Goodyear ao pico de um locais mais emblemáticos e venerados da China.

Esta foi a sua primeira experiência de trabalho com os engenheiros da Goodyear e está pronto para uma batalha muito diferente, mas igualmente exigente, este fim de semana.

Tung explicou que “subir os 999 degraus com um automóvel, foi uma forma muito inovadora de começar a colaborar com a Goodyear. Trabalhámos de forma estreita com os seus engenheiros e isso deu-lhes a confiança necessária para alcançar o êxito. Em Xangai, num carro de LMP2, necessitamos da mesma concentração e da mesma confiança no pneu”.

As 4 Horas de Xangai do Campeonato do Mundo de Resistência da FIA têm início às 12h00 (hora local) de domingo, 10 de novembro, depois das sessões de treinos livres e de qualificação realizadas nos dois dias anteriores.

Também pode gostar de ler