S. José Logística de Pneus inaugurou instalações

A S. José Logística de Pneus inaugurou, no passado sábado, dia 5 de outubro, as suas instalações, em Cantanhede.

O evento juntou mais de 300 convidados, entre clientes, colaboradores, amigos e fornecedores, onde se destacavam os presidentes da BKT e da Goodride, nomeadamente Arvin Poddar e Yi Liu, bem como responsáveis da Bridgestone, Continental, Goodyear/Dunlop, Michelin, Pirelli e Valorpneu.

A cerimónia de inauguração teve início com um discurso de José Aniceto, que começou por afirmar que as novas instalações “são mais do que o concretizar de um sonho. São a garantia que estamos preparados para ser mais competitivos e eficientes para satisfazer as necessidades dos nossos clientes”.

Apesar de a empresa já dispor de uma área coberta de 10.000 m2, começaram a surgir sinais de menor eficácia devido ao estrangulamento da operação dispersa por três armazéns.

José Aniceto explicou as razões que levaram à construção das novas instalações: “Eram muitos pneus e pouca área de armazenamento. O esforço dos colaboradores foi crucial para ultrapassar as dificuldades que a falta de espaço estavam a originar. Ou encontrávamos uma alternativa ou parávamos de crescer”.

O responsável afirmou que “a decisão de construir um novo armazém que concentrasse a operação logística foi unânime. A primeira dificuldade foi encontrar um terreno com o espaço pretendido de, pelo menos, 50.000 m2”.

E continuou, dizendo que, “depois de ultrapassada a escolha do local com a colaboração da Câmara Municipal de Cantanhede, foi preciso encontrar os parceiros que projetassem e construíssem as instalações, cujo layout estava na nossa cabeça. Este processo demorou mais de três anos mas, finalmente, estamos aqui a festejar a inauguração desta unidade logística”.

No final do discurso, José Aniceto referiu o significado do número 9 na vida da empresa: “Olhando para trás, esta geração começou em 1979, com a fundação da Pneubox. Em 1989, reconvertemos a recauchutagem. Em 1999, mudámos de instalações. Em 2009, aumentámos a área existente e, em 2019, inaugurámos este armazém. Passados estes 40 anos, o número 9 passa a ser o nosso talismã. Espero que a próxima geração possa, pelo menos até 2029, voltar a inovar”.

Nova imagem
A inauguração da sede foi, também, aproveitada pela empresa para uma atualização da sua imagem institucional e corporativa, tornando-a mais moderna mas mantendo o perfil sóbrio e clássico dos últimos 53 anos.

É nas estradas de montanha, entre traçados mais sinuosos, que a segurança e desempenho dos pneus é posta à prova. Com esta reflexão, despontou o serpentear presente no tipo de letra elegido para a marca S José.

A escolha da cor dourada surge em jeito de homenagem ao fundador, José Abrantes Aniceto, falecido no ano em que a marca comemorava as bodas de ouro. Um legado de 50 anos que ele, infelizmente, não pode festejar e que perpetuará no tempo.

Foi decidido juntar à sua identidade uma representação que acompanhará a marca e que procura envolver o público na forma como a marca encara o mercado.

O brasão, de aspeto robusto, representa os valores de família transmitidos durante gerações na história da S. José, assim como o escudo com que quer defender os seus clientes. Já a chita, grande felídeo de pelo amarelo com pintas escuras, transmite a velocidade na capacidade de resposta e decisão.

Não perca a reportagem completa na próxima edição (dezembro) da Revista dos Pneus.

Arrow
Arrow
Full screenExit full screen
ArrowArrow
Slider

Também pode gostar de ler