Bagnaia e Martin entram para o "Hall of Fame" da Dunlop

A Dunlop, fornecedor oficial de pneus para os Campeonatos do Mundo de Moto2 e Moto da FIM, adicionou dois novos vencedores à sua lista de campeões, após a penúltima ronda de MotoGP de 2018 em Sepang, na Malásia.

Francesco Bagnaia é o novo Campeão do Mundo de Moto2, após obter nada menos do que oito vitórias numa temporada muito competitiva. Para a Dunlop, houve um prémio adicional com a vitória do italiano, já que Bagnaia foi formado pela Academia VR46, apoiada pela Dunlop, o programa de desenvolvimento de pilotos liderado pela lenda do MotoGP, Valentino Rossi.

2018 foi a segunda temporada em Moto2 para o piloto de Turim. Em 2017, foi quinto no Campeonato do Mundo e coroado como "Rookie do Ano", o que lhe deu a confiança e a experiência para alcançar a vitória na ronda inicial do ano, no Qatar, estabelecendo as fundações para uma campanha ganhadora.

No próximo ano, Bagnaia passará a competir em MotoGP com a equipa Pramac Racing, sublinhando o compromisso da Dunlop para com o programa "Road to MotoGP". Uma iniciativa que permite progredir através das classes da modalidade, com a marca de pneus a apoiar categorias juniores, como a British Talent Cup, a Asian Talent Cup, a European Talent Cup, o Red Bull MotoGP Rookie e outros campeonatos nacionais, em busca do próximo "herói" de Moto GP.

A Dunlop foi o fornecedor de pneus para as Classes Moto2, de 600 cc, e Moto3, de 250 cc, desde que se iniciaram em 2010 e 2012, respetivamente.

A marca foi ainda escolhida para abastecer toda a grelha depois de estabelecer-se como o pneu principal na era da "guerra aberta de pneus" dos percursores dos campeonatos, 250GP e 125GP.

Entre os anteriores campeões de Moto2 e Moto3 da Dunlop, que progrediram até se tornarem líderes de MotoGP, incluem-se Maverick Vinales, Johann Zarco, Pol Espargaró e o cinco vezes campeão de MotoGP, Marc Márquez.