Dunlop alcança dupla vitória nas 6 Horas de Nürburgring

Depois do êxito nas 24 Horas de Le Mans, as equipas que escolheram pneus Dunlop desfrutaram de umas impressionantes 6 Horas de Nürburgring, a última prova disputada do Campeonato do Mundo de Resistência da FIA (WEC) que se disputou na Europa.

As estrelas da batalha entre os protótipos de Le Mans, Jackie Chan DC Racing, alcançaram nova vitória com o seu Oreca número 38. Oliver Jarvis, Thomas Laurent e Ho-Pin Tung conquistaram a vitória, controlando o ritmo depois de assumirem a liderança na segunda hora da corrida. A equipa chinesa ampliou a sua vantagem no campeonato de LMP2 do WEC.

Na categoria LMP2, os tempos por volta obtidos pelos carros da nova geração melhoraram em dois segundos face aos de 2016, graças ao aumento da carga aerodinâmica e da potência, e aos pneus dianteiros mais largos da Dunlop. Na preparação da corrida, Ho-Pin Tung visitou a fábrica de pneus de competição da Dunlop para ver como são fabricados os pneus da sua equipa e, entusiasmado, comentou: “É incrível ver a precisão, o trabalho e os esforço com que são feitos os nossos pneus para o FIA WEC”.

E os seus companheiros de equipa tiveram a mesma sensação na sua incessante marcha rumo à vitória em Nürburgring. Nas classes de LM GTE, foi a vez da Dempsey Proton Racing ser a protagonista. Depois de tomar a decisão de mudar para pneus Dunlop no início da temporada, a equipa conquistou a sua primeira vitória de 2017 na categoria LM GTE-Am, com o Porsche 911 RSR. Os pilotos Christian Ried, Matteo Cairoli e Marvin Dienst lutaram durante toda a corrida com o Aston Martin Vantage de Paul Dalla Lana, Matthias Lauda e Pedro Lamy.

O Porsche vencedor utilizou o composto médio do pneu Dunlop GTE durante toda a corrida. Na classe LM-GTE Pro, ambos os Aston Martin, equipados com pneus Dunlop, viram-se envolvidos em intensas batalhas com os seus rivais da Ferrari, Porsche e Ford antes de terminarem nos quarto (número 95) e sétimo (número 97) lugares.

O carro número 95 liderou durante os primeiros 50 minutos da corrida, após um arranque poderoso por parte de Marco Sorensen. A próxima ronda do Campeonato do Mundo de Resistência da FIA são as 6 Horas do México, que terão lugar a 3 de setembro, às 12h00 (hora local).

Também pode gostar de ler