Goodyear propõe pneus All Season para a Península Ibérica

O clima na Península Ibérica parece estar a sofrer alterações constantes, tendo em conta a instabilidade registada nos últimos meses, semanas e dias. Chuvas fortes, quedas de neve esporádicas e temperaturas baixas na primavera.

Parece que o tempo deixou de ser uniforme, aproximando-se mais da variação que caracteriza outros países da Europa ao longo de todo o ano.

Por isso, deixou de parecer despropositado considerar Espanha e Portugal como países onde os pneus para todas as estações (All Season) são de grande utilidade, especialmente tendo em conta as considerações dos utilizadores finais no momento de escolher os seus pneus, sendo a segurança em estrada a sua máxima prioridade no momento da compra.

Os pneus All Season, como o próprio nome indica, não são pneu de verão nem de inverno. Antes encontram-se num ponto intermédio, o que lhes permitem ser utilizados em qualquer época do ano e com qualquer clima. A Goodyear conta com mais de 30 anos no fabrico deste tipo de pneus, que podem representar a solução derradeira para fazer frente a situações de chuva, granizo, água/neve ou quedas de neve ligeiras, sem alterar a sua performance nos meses de verão.

A família Vector 4Seasons da Goodyear foi desenvolvida tanto para automóveis de turismo como para SUV, sendo o seu objetivo responder e fazer frente às principais necessidades que surgem no inverno, especialmente nas regiões com invernos mais suaves, como é o caso de Espanha e Portugal.

Ainda que nestes países a temperatura não baixe tanto dos zero graus tão frequentemente como em outros países europeus, é habitual ter de enfrentar circunstâncias como ligeiras quedas de neve, gelo ou chuvas fortes, como hoje acontece em muitas estradas.

Este tipo de pneus oferece um equilíbrio de prestações no verão mas também são eficazes em condições invernais, pelo que contam com a marcação M+S (Mud + Snow) e da montanha de três picos com floco de neve, que os habilita a circular em condições de inverno, sendo, por isso, uma alternativa às correntes.