Pneueasy: muito mais do que pneus

A Pneueasy, que mudou, recentemente, de instalações, no Barreiro, é muito mais do que uma “tradicional” casa de pneus da rede Center’s Auto. Liderada por João Parra, a empresa presta serviços de mecânica rápida, efetua lavagem e aspiração de viaturas, disponibiliza serviço de aluguer de veículos e ainda está habilitada a vender... automóveis!

Fundada em 2008, a Pneueasy começou a sua atividade numa loja de 180 m2, localizada por debaixo do Estádio Alfredo da Silva (atualmente pertencente ao Grupo Desportivo Fabril), no Barreiro, ocupando o espaço de uma antiga casa de pneus, com mais de 18 anos. Apesar disso, do passado, nada restou. Nem o nome, nem os sócios. Muito menos a forma de olhar para o negócio, fruto da visão muito própria de dois jovens empresários: João Parra (hoje o único gerente da Pneueasy) e Fernando Fernandes (que faz parte do Grupo General Automóveis). “Começámos o projeto em 2007 como um grupo de empresas: General Automóveis, AusoCar, GesLeilões e Pneueasy. Éramos três sócios”, recorda João Parra. Acrescentando, de seguida, que, “atualmente, a Pneueasy é apenas minha. A ideia é ter, a breve trecho, dentro de portas, mecânica rápida, para juntar aos pneus, à lavagem e aspiração de viaturas e ao serviço de aluguer de veículos. Tudo com secções bem delineadas dentro das instalações”.

Mundo de soluções
Integrada no Grupo General Automóveis, que atua em áreas como a compra e venda de veículos, leilões e rent-a-car, a Pneueasy é uma marca que nasceu de um projeto idealizado por João Parra para a edificação de uma moderna casa de pneus que primasse pela diferença. As razões para tal aposta são diversas. Mas, uma delas, teve a ver com o facto de não existir nenhuma casa de montagem de pneus com qualidade na área do Barreiro, o que dá, desde logo, um grande potencial de negócio nesta zona. Para mais agora, que a Pneueasy mudou de instalações. Deixou de estar no Estádio Alfredo da Silva e passou para o Parque Empresarial Baía do Tejo. “Para crescer, tínhamos de mudar. A zona onde estamos agora é muito mais central, tem muito mais movimento. Hoje, temos o dobro do espaço e pagamos metade da renda em relação ao sítio onde estávamos. Pelo facto de estar numa zona de passagem, ganhei clientes. Aqui, tenho uma visibilidade muito maior. Quando as instalações estiveram a funcionar em pleno, serão cerca de 450 m2”, explica o responsável.

A Pneueasy sempre foi um mundo de soluções. Além de trabalhar os pneus ligeiros de A a Z (quer em marcas quer em tarefas), dispõe de aspiração e lavagem de viaturas, serviço de aluguer de veículos e até está apta a vender... automóveis, fruto da sua ligação ao Grupo General Automóveis e ao facto de o seu CAE permitir exercer tal atividade. “Somos representantes da Guerin Enterprise, que é a maior empresa portuguesa de aluguer de veículos, dispondo de capital 100% nacional. Normalmente, temos 50 automóveis para aluguer. Alugamos muito a companhias de seguros, gestoras de frota, particulares e turismo. E, depois, fazemos a gestão da frota. Ou seja, pneus e pequenas reparações”, conta João Parra. “A própria entrada da Pneueasy na áreas do rent-a-car, foi muito engraçada”, revela o responsável. “Já lavávamos os automóveis dessa empresa e perguntaram-nos, um dia, se não queríamos ter um balcão para fazer serviço de aluguer. Abrangemos alugueres desde Samora Correia até Sesimbra. A Guerin, neste momento, funciona com mais de 30 balcões. Desses, metade são agentes, ou seja, empresas subcontratadas, como é o caso da Pneueasy”, assegura.

O facto de não estar apenas cingida ao negócio dos pneus, traz vantagens à casa barreirense. “Também faço mecânica rápida, ainda que de forma indireta, serviço este que já se tornou banal nas casas de pneus, mas tentamos ter um conjunto de soluções que mais ninguém tem. Como é o caso, por exemplo, da lavagem. E ainda posso fazer o pleno, que é vender automóveis, fruto da ligação que tenho com o Fernando Fernandes, ainda que, hoje, já não sejamos um grupo (tenho acesso a um stock de 400 veículos)”, acrescenta João Parra.

Agente Center’s Auto
Com uma equipa composta por três elementos (que aumentará brevemente) e uma carteira que ronda os 500 clientes ativos (a base de dados tem o triplo...), a Pneueasy é uma das 43 casas dos 34 agentes que compõem a rede Center’s Auto em Portugal, chancela da Tiresur. Ainda que os clientes sejam, na sua esmagadora maioria, particulares (80%), a casa trabalha com muitas empresas da região. “Existem clientes que nem sabem onde fica a Pneueasy. Ligam-me e eu vou buscar-lhes o veículo, entregando-o, depois, lavado e com pneus novos. É um serviço ao domicílio que presto. Tenho vários clientes assim, como, por exemplo, médicos”, revela João Parra. Apesar de trabalhar com todas as marcas (é agente de várias), o responsável assume que as que mais vende são Continental e GT Radial, concorrendo, cada uma, no seu segmento: premium e quality, respetivamente. Assumindo que a empresa tem vindo a crescer (12% em 2017 e, nos primeiros quatro meses deste ano, já levava 20%), João Parra não esconde que prevê crescer em 2018 mais de 60%. Número ambicioso? Talvez. Mas razões para tal, não faltam. “A Pneueasy é, sem dúvida e acima de tudo, uma casa de pneus. Mas que faz mais. Mecânica rápida, lavagem e aspiração de viaturas, aluguer de veículos e até venda de automóveis, se for preciso. Fazemos, digamos, o pleno. Mas o nosso foco são os pneus. Tudo o resto, é complementar. O nosso core business são pneus. Quero vender pneus. Quero que a minha casa seja conhecida no Barreiro por comercializar pneus, embora tendo, também, outros serviços”, esclarece o responsável.

E quais as vantagens de pertencer à rede Center’s Auto? “Maior proximidade e maior disponibilidade. A rede abriu-nos o leque em termos de entregas e de disponibilidade de marcas. Hoje, pedimos pneus às 9h30 e às 13h já cá estão. O facto de a Tiresur estar perto de Lisboa, é fundamental para o negócio da Pneueasy. É, por isso, que não preciso de fazer muito stock. Os cerca de 200 pneus que tenho chegam perfeitamente. Hoje, temos duas entregas de manhã e duas à tarde. A parceria só faz sentido quando é boa para os dois lados. Se a isto juntarmos o preço e a disponibilidade de gama da GT Radial... Estamos muito bem no grupo em que estamos”, frisa João Parra. Que, a concluir, revela que, no futuro, quer “reforçar a imagem da Pneueasy no Barreiro como uma casa de pneus fora do vulgar”. Além de pretender “alargar o número de clientes, chegando a mais empresas”. E de “fazer crescer os serviços de mecânica rápida, trazendo algo mais ao negócio em termos de faturação”.