Michelin intercede pelos pneus usados

A Michelin, o CEA, a Protéus (Grupo PCAS) e a SDTech vão desenvolver duas inovadoras vias para valorizar pneus usadosEste projeto, dirigido pela Michelin e denominado TREC (Tyre Recycling) pretende desenvolver duas vias de valorização dos pneus usados: a primeira, TREC Regeneração, consiste em regenerar o composto de borracha para fabricar pneus novos.

A segunda, TREC Álcool, permitirá produzir um intermediário químico necessário para sintetizar as matérias-primas usadas na fabricação de pneus.

O álcool que se gerar será usado especialmente no setor industrial francês de fabricação de butadieno BioButterfly, como complemento dos álcoois extraídos de açúcares, madeiras, resíduos agrícolas…

TREC Regeneração
A SDTech e a Protéus partilharam com a Michelin os seus conhecimentos em matéria de micronização e de desvulcanização seletiva através de ferramentas biotecnológicas com o fim de criar "micropulverizados" que se poderão utilizar como matéria-prima na fabricação de pneus novos eficientes.

TREC Álcool
Pela segunda vez, a Michelin, o CEA e a Protéus vão desenvolver uma cadeia de tecnologias, que vai desde a gaseificação dos pneus usados à produção de álcool por fermentação do gás de síntese que se obtiver (sintegás).

TRECcobre todas as etapas dos processos de investigação e desenvolvimento, desde os conceitos científicos até à validação num demonstrador industrial, passando pela fase piloto, baseando-se na complementaridade das competências e experiências dos parceiros.

Com uma duração de oito anos, TREC dispõe de um orçamento de 51 milhões de euros. O projeto vai receber um financiamento global da ADEME (Agência Francesa de Meio Ambiente e Gestão da Energia) de 13,3 milhões de eurospara a Michelin e a SDTech, no quadro de um programa de Investimentos de Futuro.