Gulf Air escolhe Michelin como fornecedor oficial

A Gulf Air, a companhia aérea nacional do reino do Bahrein, equipará a sua frota de aviões com os pneus Michelin Air X com a tecnologia Near Zero Growth.

A companhia aérea do Médio Oriente Gulf Air já utilizou os pneus Michelin para equipar a sua frota de aviões Airbus ao longo dos últimos 10 anos. Agora, ao escolher a Michelin como fornecedor exclusivo, é reforçada a bem sucedida relação existente entre as duas empresas.

A completa renovação da frota da Gulf Air, que faz parte da estratégia a cinco anos, iniciada em 2018, é a oportunidade ideal para introduzir os pneus Michelin Air X, que contam com a tecnologia Near Zero Growth (NZG), patenteada pela Michelin.

A tecnologia NZG foi desenvolvida para minimizar a deformação dos pneus, dado que os compostos de avião utilizam uma pressão muito elevada (20 bar) por comparação com outros pneus, como os de um automóvel (rondam os 2,5 bar), para suportar o peso da aeronave.

Durante as descolagens e as aterragens, realizadas a altas velocidades, o diâmetro do pneu pode aumentar por efeito da força centrífuga. A tecnologia NZR consegue reduzir este efeito e, graças a isso, os pneus ganham em resistência face aos danos produzidos por objetos estranhos e aumenta a sua duração.

A combinação dos pneus Michelin Air X e da tecnologia NZG reduz os custos operacionais globais por comparação com um pneu radial standard. Um resultado possível graças a um maior número de aterragens (até 30% mais), a uma melhor eficiência de combustível e a uma excecional resistência aos danos.

A tecnologia NZG também aumenta a robustez e reduz o consumo de combustível, o que se traduz em menores emissões de CO2.

A Gulf Air começou já a operar com a sua nova frota de Boeing 787-9 Dreamliner e Airbus 320neo equipados com pneus Michelin, que também serão utilizados nos Airbus 321neo que estão programados para operar no início de 2020.

Também pode gostar de ler