Novo centro de distribuição Michelin Ibérico

A Michelin Espanha-Portugal inaugurou um novo centro de distribuição em Castilla-La Mancha, com o qual se encerra o processo de reorganização da sua rede logística na Península Ibérica. Este armazém, que implicou um investimento de 32,5 milhões de euros, tem uma capacidade de 52.000 m2 e dará serviço aos clientes do grupo de Espanha, Portugal e Andorra.

O arranque deste centro de distribuição, na localidade toledana de Illescas, destina-se a melhorar o serviço para oferecer aos clientes Michelin uma maior disponibilidade de produto, tanto em quantidade como nas referências da sua gama de pneus. Esta localidade foi eleita para acolher a nova plataforma logística pela sua excelente localização, que permite um ágil e rápido acesso à rede de infraestrutura rodoviária da península.

O novo edifício, de 52.000 m2, construiu-se num tempo recorde de sete meses, num terreno de 140.000 m2, com a possibilidade de ampliar a zona de armazenamento até aos 80.000 m2. As quase 200 pessoas que vão trabalhar diariamente neste centro vão tratar de manter as instalações operacionais de forma permanente.

O centro de distribuição de Illescas, cujo arranque pressupôs um investimento total de 32,5 milhões de euros, está preparado para gerir entre 100 a 120 camiões trailer diários, entre receção e expedição, capazes de entregar as encomendas em 24 horas em qualquer ponto da península, graças a uma rede de 28 plataformas de redistribuição, situadas a nove horas de rota por estrada, no máximo, do novo armazém.

Com esta rede, o armazém vai poder produzir o tráfego necessário para entregar sete milhões de pneus anuais, entre mais de 3.000 referências para ligeiros, furgonettes, 4x4, camião, autocarro, moto, scooter, agricultura e engenharia civil.